Sírio traça perfil do turista que visita o Rio Grande do Norte em 2021

Mais de cinco mil turistas foram entrevistados em Natal, Tibau do Sul/Pipa, São Miguel do Gostoso e Mossoró.

O perfil, interesses e expectativas de gastos dos turistas que chegam ao Rio Grande do Norte agora estão à disposição dos empresários do trade. Esses e outros detalhes que servirão de base para planejamento estratégico para o setor estão presentes no relatório Perfil do Turista 2021, desenvolvido pelo Sírio – Sistema de Inteligência Turística do Rio Grande do Norte, projeto criado através da parceria do Governo do Estado, por meio da Empresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur), com a Fecomércio RN e o Senac RN.

Para o diretor-presidente da Emprotur, Bruno Reis, o Sírio tem sido uma importante ferramenta na utilização da inteligência para direcionar a promoção. “A ferramenta premiada se mostra um item fundamental nas nossas escolhas estratégicas. Ter condições de previsibilidade nos faz investir o dinheiro público de forma inteligente”, pontuou Reis. 

Quatro perfis iniciais foram identificados no estudo e, a partir deles, construídas as personas de cada público-alvo: turista de sol e praia; turista regional por rodovias; turista de negócios; e turista em pousadas litorâneas. Também foram identificados os pontos de sucesso e potencial crescimento e também as fraquezas, com potenciais pontos de melhorias. 

Segundo o coordenador técnico do projeto, Marcelo Milito, a pandemia impactou a construção de novos perfis. “Além destes citados, já temos em vista os considerados ‘grupos secundários’, ou seja, o turista estrangeiro, o turista de eventos/congressos, o turista religioso e o turista de esporte e aventura. A nossa expectativa é que, em próximos estudos, seja possível construir essas personas, que deverão figurar como derivação ou desdobramos de alguns dos perfis principais”, afirmou.

O presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, destacou a importância do documento. “Esse relatório do Sírio será fundamental para que a Emprotur possa direcionar de forma ainda mais estratégica os investimentos em marketing e promoção, bem como para que os empresários do trade se planejem e melhor direcionem a cada público aquilo que nosso visitante anseia encontrar”, destacou. 

O Sírio é uma ferramenta aberta ao público criada em 2021 para fornecer informações para o segmento, um dos mais importantes na economia estadual. Para construção do documento, foram entrevistados 5.240 turistas em Natal, Tibau do Sul/Pipa, São Miguel do Gostoso e Mossoró, nos principais locais de acesso do público: Aeroporto; Terminal Rodoviário; além de pontos de fluxo turístico, como hotéis, pousadas, feiras de artesanatos e atrativos turísticos.

CONHECENDO OS PERFIS 

Turista de Sol e Praia – caracterizado como estrela. Merece o mais alto investimento e atenção, pela força atual e ainda perspectiva expansão.

Turista regional por rodovias – caracterizado por ser um nicho altamente fidelizado, viaja fora dos períodos de alta estação e que em crises pode sustentar a cadeia local.

Turista de Negócios – No momento, pouca força de mercado e dúvidas quanto a retomada desse público, mas que pode ser reposicionado com eventos/congressos apontando uma volta gradual.

Turista em pousadas litorâneas – grande potencial e oportunidade, mas carrega mais dúvida do que é e para onde vai.